O site Moreira Ourivesaria usa cookies. Ao continuar a navegar, está a concordar com o seu uso. Leia a nossa política de privacidade.Fechar este aviso

Cuidar de produtos

Relógios

Porque os relógios são muito mais que uma obra de arte técnica, faz também parte dos nossos serviços ao longo dos tempos, a tradição e o savoir-faire que permitem cuidar dos relógios dos nossos clientes, sejam eles de pulso, de bolso, de parede ou qualquer outro.

A limpeza e manutenção, a substituição de pilhas, a afinação, o restauro… tudo deve ser feito por quem sabe, e nós sabemos.

Dê corda ao seu relógio regularmente (pelo menos uma vez por mês) mesmo que não o utilize com frequência, pois é a melhor forma de preservar a elasticidade dos óleos de movimento.

Nunca acerte o seu relógio entre as 21h e as 3h, visto que pode danificar o mecanismo de mudança da data.

Evite que o seu relógio esteja em contacto direto com campos magnéticos como os que são emanados de colunas de som, televisões, micro-ondas, smartphones ou tablets (especialmente com capas de fecho magnético), entre outros.

Relógios com estanquicidade:

3BAR/30 METROS – São à prova de salpicos. Tenha em consideração que este srelógios não estão aptos para água (nem nadar nem banho, por exemplo);

5BAR/50 METROS – O mínimo exigível para poder utilizá-los quando vai nadar ou quando pretende tomar banho com eles;

20BAR/200 METROS – Aptos para o acompanharem em atividades de mergulho.

Joias

Todas as mulheres, umas mais que outras naturalmente, gostam de comprar uma bela joia. Mas na hora de cuidar das suas joias, existe muita dificuldade em saber o que fazer.

Deixamos algumas dicas que vão ajudar, com certeza, a cuidar das suas joias, como belíssimas obras de arte!

Cuidados a ter:

Como limpar as suas peças em casa:

Tenha em conta que qualquer limpeza, manutenção, ou reparação das suas peças em casa é da sua inteira responsabilidade, por isso deve ler atentamente o texto até ao fim e se tiver alguma dúvida, procure-nos.

Joias sem pedras: Faça uma mistura de água e bicarbonato de sódio e deixe a sua joia de molho durante alguns minutos. Depois lave-a muito bem com água limpa e corrente.

Joias com pedras diversas (com exceção de peças com esmeraldas, pérolas e madrepérolas, turquesas, opalas e ágatas): Lave a sua joia com água tépida, detergente ou sabão com PH neutro e uma escova de dentes macia. Depois enxague com água tépida corrente e mergulhe-a em álcool. Deixe a sua joia secar sobre um lenço absorvente (Por ex.: lenço de papel ou papel de cozinha).

Joias com esmeraldas: As joias com esmeraldas necessitam de cuidados especiais. Lave a sua joia com sabão com PH neutro e água fria, e uma escova de dentes muito macia. Depois enxague abundantemente com água e seque com lenços de papel, friccionando a peça levemente, mas sem esfregar.

Joias com pérolas ou madrepérolas: Após a utilização, as pérolas e madrepérolas devem ser limpas uma a uma com uma flanela seca ou com algodão seco. Esse procedimento elimina resíduos de suor ou cosméticos que a peça tenha absorvido. Não lave as suas pulseiras ou colares de pérolas, porque a humidade enfraquece o fio de seda em são enfiadas as pérolas. A cada dois anos deve trocar o fio de seda. Para dar brilho às suas pérolas e madre pérolas, friccione-as com azeite ou óleo de amêndoas.

Joias com turquesa, opala e ágata: Limpe as suas peças com estas pedras com uma flanela ou camurça. Nunca use água ou óleo e muito menos qualquer produto químico.

Além do cuidado permanente que deve ter com as suas joias, em casa, anualmente deve confia-las a um joalheiro profissional e da sua confiança, como é o caso da Moreira Ourivesaria, para que faça uma manutenção geral, nomeadamente limpeza profissional, soldar alguma peça partida ou colocar pedrinhas que saltam.

Reciclagem

Por vezes as clientes chegam decididas a vender peças antigas. Não porque necessitem do dinheiro, mas porque por algum motivo deixaram de as usar.

É o caso destes brincos contas de viana em ouro. Eram apenas uma bolinha com espigão que encaixava num travão. A cliente disse que tinha deixado de usar por esse sistema a incomodar. E eu sugeri que substituísse o espigão e o travão por um sistema simples, de gancho de enfiar.

E pedi ao nosso joalheiro que fizesse uma transformação perfeita, como é habitual! ;-)

E o resultado é este!

Mas na verdade, o melhor resultado é ver o sorriso da cliente, feliz por conseguir voltar a usar os brincos!